Quando a rotina cansa

 

 

       Dia após dia, vamos caindo numa rotina de uma maneira quase que automática.
       Do instante que acordamos, repetimos um mesmo ritual quase que sagrado;
higiene pessoal, café, transito, trabalho, escola, almoço, jantar, as mesmas
tarefas diárias, indo e vindo pelos mesmos caminhos, normalmente convivendo
com as mesmas pessoas, falando ou fofocando sobre os mesmos assuntos, assistindo os mesmos programas, etc.
       O tempo vai passando e com a repetição diária caímos em um circulo vicioso chamado rotina que é o hábito de fazer uma coisa sempre do mesmo modo, mecanicamente.
Algumas pessoas se acostumam tanto a viver em função de determinadas atividades, que no final, acabam ficando presas a elas ficando cansados e tornando sua vida chata.
       O que temos que fazer para amenizar a questão da rotina é saber lidar com ela, por exemplo;
- mude o seu trajeto de ida e vinda para a sua casa;
- mude as coisas de lugar de seu escritório ou casa renovando assim o cenário em que você vive;
- experimente uma alimentação diferente pelo menos uma vez na semana;
- procure caminhar por uma praça ou parque que você não costuma frequentar;
- escute por alguns minutos do dia um estilo de musica diferente;
- veja uma vez ou outra uma programação diferente na TV;
- leia um bom livro, uma revista, um gibi;
- Procure dar um pouco de atenção a algo diferente do que você esta acostumado a fazer no seu dia a dia.

       Lembre-se que você começando a querer sair da rotina o seu “eu interior” ira te direcionar para as boas modificações, é só começar.
       Dessa forma você vai aos poucos aprendendo a sempre inovar, mudar, adaptar e com isso sua mente fica mais leve e você sente a sensação de felicidade constantemente.
       O tempo passa de qualquer maneira, porém, as histórias boas ou más ficam para serem contadas e lembradas e escritas nesse livro que chamamos de “vida”.

“Não faça a sua vida virar uma rotina chata, faça de sua rotina virar uma vida alegre.”

 

   Muita Paz e Luz.
Valter Carmona