CONSELHOS  BENÉFICOS

Tanto sofrimento e angústia no caminho de muitos que, como eu, demoraram para entender o porquê de tantas coisas que acontecem no caminho de suas vidas... Quantas problemáticas insolúveis passei, quantas angústias, quantas injustiças... Tudo que eu punha a mão começava bem, mas com o passar do tempo as coisas se enrolavam e não via mais soluções; me via tolhido por dificuldades atrozes e caía em depressão.
Passei por muitos serviços e muitos trabalhos fiz por esse mundo afora, porém não me fixava por muito tempo em nenhum trabalho sério. Na parte familiar, problemas se acumulavam anos após anos, e aí caía na bebida, nos vícios e em jogatinas que me faziam perder tudo o que eu conseguia com dificuldade e muito trabalho.
Pensei diversas vezes em me suicidar e pôr um fim em tudo.
O desespero me corroia a alma, já não suportava mais aquela situação, então decidi ir para uma cidade que conhecia, bem distante. Lá havia lugares altos e perigosos e, de um desses locais, planejava pular e pôr um fim na minha vida. Mas algo muito interessante me aconteceu: no caminho de ida para a cidade, passei em frente de uma casinha muito antiga e já bem desgastada pelo tempo.
Lá estava uma senhora muito velhinha, sentada na soleira da porta. Ao passar por ela eu a cumprimentei e ela em resposta me disse:

Meu filho, falta Jesus em teu coração; não faças o que tens em mente, pois o que isso irá te acarretar é muito comprometedor e pior do que o que estás passando.

Nesse instante, curiosamente senti uma vontade imensa de me sentar ao lado dela, e ali fiquei, de cabeça baixa, sem nada dizer, somente a escutá-la. Ela começou a me dizer coisas que passei em minha vida, que nem mesmo eu me lembrava mais. Explicou-me o porquê de ter passado por tudo aquilo e o que eu deveria fazer para me encontrar e melhorar o meu modo de vida; me deu orientações sobre o Evangelho e falou-me da grande mudança que isso iria fazer em minha alma, se seguisse os conselhos de viver com Jesus no coração.
Após horas de informações, sugestões e conselhos – jamais ouvidos em minha vida –, me vi chorando, aos prantos. Agradeci, beijando-lhe as mãos, e perguntei como poderia retribuir tais conselhos. Ela me respondeu:
- orando e vigiando.
Levantei-me e fui embora. Após alguns passos, olhei para trás e estranhamente nada vi, apenas uma casa velha e abandonada.
Quando cheguei na cidade, perguntei quem vivia naquela casinha, e foi-me dito que lá morou uma senhora que há mais de dez anos havia desencarnado: era uma senhora benzedeira, muito importante para aquele vilarejo, ajudou muitas pessoas e todos a chamavam de mãe Filomena.
Foi daquele dia em diante que, colocando Jesus em meu coração, minha vida mudou, e é através deste relato que quero deixar meu testemunho: somente através da fé é que iremos chegar em nossos objetivos e suportar nossas provas.
Hoje e sempre colocai Jesus em vossas vidas.
Deus estará sempre ao vosso lado.