A REPRESA DIVINA

Um novo dia sempre ressurge do amanhecer celeste.
Muitas noites nos recolhemos e, com lágrimas nos olhos, suplicamos ao Nosso Criador para ao amanhecer nos fornecer um verdadeiro milagre para os problemas que nos atingem, mas se não tivermos a grande fé e não cultivarmos a paciência, vem a desilusão e, com ela, a angústia.
Cuidado! Não te deixes abater por fracassos, decepções ou problemas que pareçam insolúveis: nada é insolúvel aos olhos de Deus, tudo existe para um novo bem. Por mais duro e perverso que um mal possa ser, ele sempre traz uma meta a conquistar, sempre traz na bússola de nosso “barco da vida“ um rumo novo. Concentra-te mais no teu anjo guardião, pois ele irá te orientar nos mares turvos do teu destino.

Certa vez, uma cidade inteira necessitava de alimentos, pois a pobreza lá se instalava há tempos: a água era escassa, as fazendas não produziam, as lavouras secaram, o gado e as criações morriam de fome e de sede junto a muitos habitantes que não tinham com o que se alimentar.
Foi quando um senhor humilde, que vivia nos arredores da cidade – conhecido pelos seus amigos como “ Vô benzedeiro” – , teve uma visão e um aviso do plano espiritual em uma de suas noites de meditação.
A ele foi dada uma sugestão: recuperar aquela cidade, já toda entregue à fome e à miséria.
Tinha ele a grande incumbência de represar a água – que vinha de um lago distante dali, junto a uma pequena nascente, ainda com água boa e pura – construindo alguns diques. Nesse local, peixes iriam nascer e procriar, podendo, inclusive, alimentar muitas pessoas.
E tudo isso foi feito.
Tão belos são os poderes de Deus, que em poucas semanas a natureza por si só começou a grande virada: vários peixes nasceram e com eles, na beira do lago, começou a se formar uma grande vegetação que atraiu vários outros animais ao local. Desse modo, em poucos meses, a natureza retomou seu rumo.
Através dessa pequena represa, voltou o abastecimento para a cidadezinha e a irrigação se expandiu pelas fazendas e sítios vizinhos, onde tudo retomou novamente o rumo do progresso.

Tudo é possível: é só ter fé, paciência, persistência e querer modificar o futuro da própria vida.

Preto Velho - PAI BENEDITO

Celeste ...= relativo ao céu, perfeito, primoroso.
Diques.....= construções sólidas para represar águas correntes.