Considerando que os problemas do sexo nos dias de hoje assumem grande relevância, Emmanuel traz-nos uma série de observações importantes do Plano Espiritual para o Plano Terrestre.
     Mostra, com base nos sábios e benevolentes mensageiros que orientaram Kardec no traçado da Doutrina Espírita, definições sobre o tema que permitem uma reformulação do pensamento. Propõe, então, um conjunto de normas a respeitar na prática do sexo.  
     Aconselha, então, não proibi-lo, mas educar os indivíduos para o trato digno do sexo com respeito aos outros e a si mesmo.
   Alerta que o sexo deve ser tratado não como impulso livre, mas, sim, com responsabilidade. Para tanto, cuida, dentre outros, de temas como casamento, amor livre, aborto e adultério.